Tamanho das Mamas

Nunca entraremos de acordo sobre o que é uma mama bonita, cada pessoa tem sua preferência, o que é absolutamente saúdavel e legítimo que seja assim. Pórem, com certeza entraremos em acordo de que muitas mulheres desejam mudar algo em relação a suas mamas, em busca de um bem estar com seu proprio corpo. Símbolos da feminilidade, os seios despertam dúvidas, curiosidades e preocupação entre as mulheres. Porém esta fantástica parte do corpo feminino não possui um modelo que simbolize a beleza absoluta, sua morfologia é extremamente variada e diferentes padrões podem ser considerados belos, de acordo com a época, sociedade e gosto individual de cada mulher.

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a cirurgia plástica das mamas está entre as mais procuradas, seja ela para redução (mamoplastia redutora), aumento (mamoplastia de aumento) ou correção de sua queda (mastopexia).

As principais queixas sobre as mamas podem ser basicamente divididas em 3 grupos:​

“Minhas mamas são muito pequenas, quero aumenta-las…”

A mulher brasileira definitivamente encontra-se entre as mais vaidosas do mundo. Nosso clima tropical, com praia e sol quase o ano inteiro aumenta a exposição do corpo, o que gera maior exigência por parte das mulheres para sentir-se bem com o próprio corpo. Nos últimos anos ocorreu um aumento significativo no número de cirurgias plásticas no nosso país, sendo que hoje dificilmente não conhecemos uma mulher que não tenha passado por cirurgia de inclusão de implante mamário. A cirurgia tende a ser extremamente gratificante tanto para a paciente como para o médico, quando realizada com bom senso, respeitando as próprias medidas da paciente e tomando os cuidados necessários de segurança, como implante de qualidade, hospital com estrutura e médico habilitado.

“Minhas mamas são muito grandes, quero diminui-las…”

As mamas femininas são compostas principalmente de tecido glandular e gordura. Seu desenvolvimento se inicia por volta dos 9 anos de idade, com variação de 2 até 3 anos, se intensificando a partir da puberdade com o amadurecimento hormonal. O crescimento geralmente se completa por volta dos 17 ou 18 anos. Mudanças hormonais podem fazer os seios se desenvolverem mais, como, por exemplo, durante a gestação. Geralmente, o tamanho das mamas obedece à genética familiar, idade e ganho ou perda de peso. A cirurgia de redução mamária pode ser considerada em muitos casos como uma cirurgia reparadora, devido aos transtornos de que uma hipertrofia mamária pode causar (dores nas costas, problemas na aquisição de sutiãs, dificuldade de praticar esportes). A paciente se torna candidata à realização da cirurgia a partir dos 18 anos de idade, quando a evolução de sua mama tende a estar próxima de seu formato definitivo.​

“Minhas mamas são caídas, quero levanta-las…”

Por definição o desenvolvimento da mama feminina só estará completo após a gestação/lactação, neste momento evidenciamos uma mudança estrutural nas mamas femininas (principalmente aquelas que tiveram um aumento significativo durante a gestação), além disso, mudanças bruscas no peso, e a própria lipossubstituição que ocorre nas mamas com a idade (troca de glândula por gordura) resultam na queda (ptose) das mamas. A correção desta alteração é extremamente variável, sendo imprescindível uma perfeita sintonia entre o médico e a paciente para obter satisfação no resultado final.

Quer saber mais sobre o tratamento cirúrgico das mamas?

Alguma dúvida?

Deixeu seus contato que retornaremos

Rua Restinga, 113 – Cj. 1604 – Tatuapé – São Paulo/SP

contato@amaroepasquarelli.com.br

(11) 2533-6258

(11) 98945-8928

Rua Restinga, 113 – Cj. 1604 – Tatuapé – São Paulo/SP

contato@amaroepasquarelli.com.br

(11) 2533-6258

(11) 98945-8928

Endereço

Rua Restinga, 113 – Cj. 1604 – Tatuapé – São Paulo/SP

Seguir